Notícias

Cartas para o Papai Noel tiveram 280 atendimentos em Batatais

Terminou no dia 15 deste Dezembro o prazo estipulado pelos Correios para atendimento das tradicionais ‘cartinhas’ endereçadas ao Papai Noel. Nesse ano de 2017, Batatais deu exemplo de solidariedade, com exatos 280 atendimentos. Segundo Carlos Alberto Tostes, responsável pela Agência Central dos Correios, com o número superior ao ano passado. “Tivemos, no período de 9 de Novembro a 9 de Dezembro, 350 ‘cartinhas’ entregues em Batatais com endereçamento ao Papai Noel. Os pedidos foram os mais variados e os doadores nos procuraram e escolheram a criança a ser atendida”, informou.
Realizada há 28 anos, a Campanha ‘Papai Noel dos Correios’, além de compartilhar e incentivar a solidariedade, promove, por meio das cartas, o desenvolvimento da habilidade de escrever.
Para proteger a criança e a sua privacidade, em atendimento à recomendação do Ministério Público, somente os Correios entregam os presentes. Por essa razão, o prazo para acolhimento dos doadores terminou no dia 15 de Dezembro, buscando assegurar que todos os presentes cheguem aos destinatários.

Como funciona
A adoção na campanha é feita da mesma maneira em todo o Brasil. As cartas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas.
Em seguida, são disponibilizadas nas unidades da empresa.
Os Correios não entregam cartas para adoção diretamente à população, em suas residências.
As cartas do ‘Papai Noel dos Correios’ ficam disponíveis apenas nos locais indicados pela empresa. Para ser um padrinho ou madrinha, basta ir em uma agência, escolher uma carta e depois entregar o presente na mesma unidade, para que posteriormente a entrega seja feita no próprio fluxo postal pelos Correios. Não é permitida a entrega direta do presente. Para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança não é informado ao padrinho.

Balanço Geral
Este ano foram selecionadas em todo o Brasil mais de 750 mil cartas destinadas ao ‘Papai Noel dos Correios’, 35% a mais do que as 556 mil cartas selecionadas no ano passado. Desse total cerca de 520 mil foram adotadas.
A campanha contempla, além das cartas das crianças da sociedade que escrevem diretamente ao Papai Noel, também aquelas de estudantes das escolas da rede pública (até o 5º ano do ensino fundamental) e de instituições parceiras, como creches, abrigos, orfanatos e núcleos socioeducativos.

Correios cresce 16,4% no segmento de encomendas
Além da solidariedade, os Correios têm procura ampliada nessa época do ano em função dos serviços de entrega de encomendas.
Esse segmento já vem crescendo de forma sistemática. Desde que foi lançada, há seis meses, a Política Comercial dos Correios vem apresentando resultados positivos, principalmente no tráfego de encomendas, que cresceu 16,4% em relação ao mesmo período no ano anterior.
De 1 milhão de encomendas entregues por dia, 70% são provenientes de e-commerce.
A empresa está investindo 137 milhões de dólares na implantação de 10 novos sistemas automatizados de triagem, até 2020.
Uma encomenda é processada da seguinte forma: o lojista envia o produto por uma unidade dos Correios próxima de sua empresa, que é então levado a um grande centro de tratamento onde é tratado e remetido a uma unidade de distribuição dos Correios perto do destinatário, sendo por sua vez entregue ao comprador.